domingo, 25 de setembro de 2016

Domingo de manhã com os cães e gatos no Centro de Controle de Zoonoses

Projeto caminhada criado em 2009, visa socializar os cães com o público

Banner “Eu adote, adote você também (FOTO: Eduardo Pires)

O cãominhada acontece todos os domingos, das 9h às 13h, no Centro de Controle de Zoonoses, em Santana, zona norte de São Paulo.

A primeira participação requer alguns cuidados, como: trajar calças (jeans ou moletom), e calçados que cubram os tornozelos (tênis com meias cano longo ou botas). A entrada deve ser feita antes das 9h, para que os primeiros visitantes possam saber um pouco melhor das normas da instituição e dos cachorros.

Acabado a palestra, os voluntários começam a se preparar para pegar o seu cachorro e passear com ele dentro do CCZ. O lugar tem dois tipos de canil: canil verde e o azul. O verde, possui os cachorros de porte pequeno e médio, já o azul, possuí cachorros de porte grande como: Pitbull, Rottweiler entre outros.

Para quem tem mais tempo como voluntariado, tem a aventura de passear com os cachorros de porte grande. Já for voluntário de primeira viagem, tem que se contentar em pegar os cachorros um pouco menor. Mas para quem gosta de animais, essas quatro horas vale muito a pena. Além dos cachorros.

Depois do passeio, as pessoas podem visitar os cavalos e alimentá-los. Já a parte dos gatos é reservado, mas a visitação é liberada para ver os bichanos.

Atualmente, o CCZ acolhi 150 cachorros, 30 gatos e três cavalos. No passado eram 10 equinos, com a gripe equina, sete morreram e só restaram três.

A instituição necessita de doações de jornais para o recolhimento das fezes, pote de sorvete para o recipiente da água para os cães e brinquedos para os gatos.

O projeto foi criado em 2009, com apoio do Centro de Controle de Zoonoses, da Coordenação de Vigilância em Saúde (CONVISA). A ideia do projeto é de socializar os cães com as pessoas e com outros cachorros. Além do exercício físico com a caminhada, também ajuda na adoção e facilita o convívio domiciliar.

Para o estudante, Vítor, ele conta como foi a sua primeira experiência como voluntário no "cãominhada". "Se não viesse ninguém, os cachorros iriam ficar estressados. No próximo domingo pretendo voltar".

Para quem quiser ser um dos voluntários, tem que se inscrever através do site.

Rua Santa Eulália, 86 – Santana

Com 10 anos, Zulu parece bravo, mas é dócil e amável. Está pronto para ser adotado (FOTO: Eduardo Pires)
Gatos também faz parte da adoção do CCZ (FOTO: Eduardo Pires)

         CCZ e no fundo os canis azul e verde (FOTO: Eduardo Pires)